Tags

, , , , , , , , , , ,

Acreditem, não são todas as pessoas que podem comprar um artigo de luxo a cada virada de estação. E para algumas outras a conquista da tão sonhada bolsa de grife não tem nada haver com ostentação e sim a realização de um sonho, por que não?!

Louis-Vuitton-Beaubourg-Canvas-Damier-Ebene

Quando comprei a minha primeira Louis Vuitton não foi algo: Quero ter uma LV, vou entrar na loja e ver a que mais combina comigo. – Muito pelo contrario, foi uma bolsa que eu almejava à algum tempo. Todas as vezes que passeava no shopping Cidade Jardim ou Iguatemi eu namorava a bolsa na vitrine.

Sabe amor à primeira vista? Só não foi o meu caso pois quando bati o olho no preço tomei um susto… hehehehe. Mas se não fosse um custo tão assustador, teria sido um amor arrebatador! rs Ps: Assustador pela minha realidade financeira na época. 😦

Pensei, pensei, pensei… Alguns amigos aconselharam: Mas é muito caro! Gaste esse dinheiro com outra coisa. – Mas foi o que a minha prima Dani disse que me deu o estalo que estava precisando: Não deixe de realizar seu sonho e de conquistar o que você quer.

Sim! Realizei meu sonho de comprar a Beaubourg Canvas Damier Ebene que foi criada originalmente em 1888 e relançada em 1996, tornando-se um dos clássicos da LV e hoje é uma bolsa atemporal da marca francesa (imagem da bolsa em HQ). E lembro-me como se fosse hoje quando mostrei para minha mãe, ela chorou… Só não sei se foi pelo preço que paguei ou se foi pela minha conquista! rs

Brincadeiras à parte… Essa bolsa têm um significado muito grande pra mim. Na época que comprei eu tinha acabado de ser mandado embora de uma empresa que trabalhei por 11 anos, estava finalizando a minha faculdade e trançando novos desafios no mundo da publicidade. Ela simplesmente representava de onde eu saí, onde eu estava e para onde eu queria ir. I ❤ LV!

Anúncios