Tags

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Ontem, com um pouco de atraso, pude conferir o último EP da série-documentário “I Am Cait” (Canal E!, 23:00hs) que acompanha a transição de gênero de Caitlyn Jenner, mais famoso como Bruce Jenner, atleta olímpica que era é nada mais nada menos que o “step-patriarca” da famosa família Kardashian.

Reality-Show-I-Am-Cait-02Claro, tudo que gira em torno da família mais famosa da TV mundial gera um questionamento. “Será que é publicidade?“, “Será essa mais uma maneira de ganhar dinheiro?“. Assistindo à anos o reality-show e vendo a história da família se desenrolar entre casamentos, filhos, dinheiro, lojas, festas, brigas e tensões, o que de uma certa forma parece ser um pouco banal para quem esta de fora olhando, quem de fato tinha uma verdadeira história para ser contada e que estava ali guardada e escondida à sete chaves, era Bruce Jenner.

O que mais me tocou na série foi a transparência como tudo foi contado, esqueça o sensacionalismo que esperamos do clã Kardashian, tudo é muito simples, sensível, direto e emocionante. Coloque-se no lugar de uma pessoa de 65 anos que viveu um personagem e se transvestia por todo esse tempo. Já imaginou a dor dessa pessoa ao se olhar no espelho e não se enxergar. Não ver quem realmente é? A série tem suas particularidades e a principal delas é mostrar um mundo novo, não apenas para Caitlyn que desbrava tudo com garra e força, e isso é perceptível até nos momentos de fraqueza, como também para nós telespectadores.

A série mostra toda a preocupação de Caitlyn com as transexuais e sua comunidade e o primeiro contato dela com membros de sua família e amigos já como mulher. Os momentos tensos e emocionantes ficaram no reencontro com sua ex-esposa, Kris Jenner, e sua mãe Esther Jenner. “Estava muito orgulhosa do Bruce, quando ele subiu naquele pódio para receber a medalha de ouro em Montreal. Estava emocionada. A bandeira americana estava sendo erguida e pensei que nunca mais ficaria tão orgulhosa dele. E quer saber? Eu estava errada. Porque eu estou mais orgulhosa dele agora, pela coragem que ele demonstrou. Amei-o com todo o meu coração e certamente a amo com todo meu coração.” disse Esther.

Reality-Show-I-Am-Cait-01

A série esta sendo reprisada e vale à pena conferir, existem também sites que disponibilizam os episódios para download (olha que erro meu dizer/linkar/compartilhar sites de downloads), o que importa nesse momento é compartilhar o conteúdo. Permita-se a conhecer as pessoas do nosso mundo, e descubra que existe lugar para todos, indiferente do gênero, opção sexual, etnia ou religião. E uma salva para essa nova mulher, Caitlyn Marie Jenner.

Anúncios